Segunda-feira, 27 de Março de 2006

MACHISTA ATÉ DIZER “CHEGA!”

Outro dia estava no café com uns amigos e para variar o assunto era gajas, sim gajas...porque senhoras não se fala, sonha-se.


Um deles levantou o tema de “Qual era o meu estilo de gaja?”. Se preferia as loiras, as morenas, as mulatas ou as chinocas? Ao que respondi: “Eu gosto é das boas, não me interessa qual é a marca, quero é que seja um topo de gama.


Ficaram a  pensar sobre o assunto, digamos dois segundos, e mudaram para outra queca qualquer que foi chibada pelo Joaquim. Também é comum o pessoal gabar-se das que deu e das que não deu, mas gostava de ter dado, desta, daquela ou da outra maneira.


Que mesa de super-heróis, cheia de mangueiras dos bombeiros, aquilo até parecia o 3º batalhão da Trofa com os carros de combate aos fogos a apodrecer na garagem em epóca de chuvas. Quando pediamos a quarta jola apercebi-me que em vez de bombeiros parecia-mos talhantes, diria mesmo canibais porque só falavamos em comer esta, aquela e
outra.


Enfim, já de barriga cheia de tanto “comer” (até perdi o apetite), descortinei o âmago da questão: Vivemos numa sociedade de canibais. Uma sociedade onde comemos ou somos comidos, onde nos impomos ou somos mansos.

Cheguei a casa meio embriagado, mas bem disperto, o suficiente para fazer um zapping e correr uns quantos canais e ver como somos carne. Desvaloriza-se o sentimento e trata-se o outro como carne, e como somos canibais vivemos a vida na caçada nesta selva urbana.
Vou dormir. “CHEGA!”

Mercador

Bico feito por bicodobra às 19:36

link do post | Faz um BICO | Junta-te ao Bico
|
12 comentários:
De bruno a 28 de Março de 2006 às 01:19
lol
sem tirar nem por!

:)
De maresia a 28 de Março de 2006 às 12:38
Eu não sou macho, nem muito nem pouco, mas sinceramente nunca tenho vontade de dizer CHEGA! Ai nunca, nunca, nunca...
De suse a 28 de Março de 2006 às 12:40
Gajos... São todos o mesmo!! Por mim dizer chega também não está no meu âmbito... Sua taradona! Sua doida!!

Não vou dizer que quero carne, porque parece mal.. mas eu gosto é de dominar! :p Lollll

Beso*
De Rita a 28 de Março de 2006 às 14:20
Passei só para vos felicitar por este novo cantinho que promete ser um sucesso. Como não podia deixar de ser, os alfinetes continuam bem afiados e prometem deixar a sua marca inconfundível! Quem vos ouvir, a vocês, "gajos", fica mal impressionado, meus amores, que isso de fazer contabilidade da sexualidade é muito... como direi... materialista =)
Beijo enorme,
Rita
De Ana a 28 de Março de 2006 às 21:41
Blogui novo, lalalalalala!! Eu gostei, um estilinho assim mais soft, mas pessoal... Sim, senhor!!
Quanto a este texto... sublime! Mas deixa lá que as mulheres não são melhores.... Também temos as nossas conversas! Uma vez dsseram-me que a principal diferença entre homens e mulheres em relação a este tipo de conversas é que os homens falam das suas 'curtes' e nunca das namoradas e as mulheres é exactamente ao contrário. Não sei se será verdade, mas enfim....
Já vou adicionei!!=P
beijinhos
De TMara a 29 de Março de 2006 às 09:52
ora aqui está um assunto bem sério e uma análise crua e dura ( a brincar a brincar) da n/ sociedade. Boa semana Bjs e ;)
P.S - este tom de cinza claro das letras então aqui (minúsculas) é difícil e cansativo
De astropastor a 30 de Março de 2006 às 04:12
Eu é mais mulatas, sem dúvida.
De Raquel V. a 31 de Março de 2006 às 17:43
As conversas masculinas podem ou não andar de roda desse eterno tema... conjuntamente com bola e carros...
Mudando um pouco os termos em conformidade com o tipo de educação e profissão.

As das mulheres podem incluir homens, mas a faixa etária muda bastante os tópicos principais. São sempre mais variados os temas e "os homens" surgem por norma como acrecento - isto quando já se passou a fase da adolescência.

Para o homem, não sair de algumas fórmulas que agradam aos restantes elementos do grupo, é sempre importante. Não se expõe tanto.
Dificilmente o tema irá parar ao último filme em que chorou.

Bjs
De Menina_marota a 1 de Abril de 2006 às 14:05
ah... fizeste-me recordat um texto que escrevi em tempos, num outro blog, sobre "boas na cama"... vou à procura dele e colocá-lo no meu actual blog...machista!!

eheh

Bj ;)
De Antónimo a 5 de Abril de 2006 às 18:27
Pois é, essas conversas de machos são interessantes. Apesar de ser mulher os meus amigos deixam-me ouvir (e por vezes opinar) acerca de gajas e cheguei a algumas conclusões.
A primeira conclusão prende-se com o facto de, na minha mente, a palavra macho estar associada a crise de identidade de género. Quanto mais machos são (e mentirosos tb) mais se nota uma insegurança em relação à sua própria sexualidade.
Quer-me parecer que numa sociedade canibal não é a vontade de comer que impera, mas sim o medo de ser comido e abandonado. Assim sendo, torna-se preferível fingir que não existem sentimentos e o melhor é fazer com as pessoas o que se faz com um objecto: consumir

H21

Comentar post

.Janeiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.Bicos de Última Hora

. FIM!

. MUDANÇAS NO ALFINETE!

. ADELANTE!

. FAÇA FAVOR DE TER UM ORGA...

. O TAMANHO...IMPORTA?

.Bicos por Catálogo

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.Bocas Amigas

.Who cares?

. todas as tags

.Bicos Contabilizados

Web Page Hit Counter
Discount Clothes

.subscrever feeds